Passeio de Gôndola em VenezaPasseio de Gôndola em Veneza

Veneza é uma cidade mágica, famosa pelos seus canais e bela arquitetura. Aqui, não há ruas comuns, só água, e as gôndolas tomam o lugar dos carros. Cada parte de Veneza tem uma história, desde a grandiosa Praça de São Marcos às pontes charmosas que juntam as ilhas.

Concebida sobre 118 pequenas ilhas dentro da Laguna de Venezia, está cercada pelo Mar Adriático. Curiosamente, Veneza está dividida em seis sestieri (bairros) cada um com sua personalidade e charme distintos. A serenidade das águas e a ausência de trânsito tornam cada esquina desta cidade histórica uma obra de arte em movimento.

Caminhar por Veneza é como voltar no tempo. Os prédios coloridos se espelham na água dos canais e por onde você anda tem gondolas passando, é muito lindo!

Vista incrível do Grande Canal em Veneza.
Vista incrível do Grande Canal em Veneza.

Veneza é conhecida pelos seus canais encantadores e, claro, pelas famosas gôndolas. Um passeio de gôndola é uma maneira única de explorar a cidade e sentir a atmosfera romântica que só Veneza tem.

As gôndolas são barcos elegantes e tradicionais, conduzidos por um gondoleiro experiente que usa uma longa vara para mover o barco pelas águas calmas. Durante o passeio, você pode ver pontos turísticos famosos como a Ponte dos Suspiros e o Ponte di Rialto, você também pode escolher fazer o passeio somente nos canais menores e pagar um pouco menos.

Não se esqueça de negociar o preço antes de embarcar, pois os passeios podem ser caros. Mas lembre-se, essa é uma daquelas experiências que valem cada centavo pela memória que fica. Nós fizemos e amamos, a viagem não teria sido a mesma se não tivéssemos feito, vale o investimento!

👉 Dicas: Passeio de gôndola pelo Grande Canal e Outros Passeios de gôndula por Veneza

Passeio de Gôndola em Veneza
Passeio de Gôndola em Veneza

É o lugar por onde deve começar o seu passeio. Esse é o ponto de encontro principal de Veneza, a Piazza San Marco é adornada por obras-primas arquitetônicas, como a imponente Basílica de São Marcos, o Campanário de São Marcos, o Palazzo Ducale, além de ter vários restaurantes, Cafés e lojas.

Piazza San Marco em Veneza
Piazza San Marco

Basilica di San Marco ou Basílica São Marcos

É uma das igrejas mais famosas e impressionantes do mundo, sua fachada e mosaicos dourados refletem a arte e arquitetura bizantina.

Dedicada ao padroeiro de Veneza, concluída no século XI, impressiona com seus cinco domos e inúmeras estátuas externas. Seu interior é repleto de mosaicos que narram histórias bíblicas e da vida de San Marco sob uma luz dourada. Destacam-se a Pala d’Oro e o Cavalo de San Marco, relíquias repletas de história e fé.

Se quiser entrar na Basílica, recomendamos fortemente que compre com antecedência para evitar filas, principalmente se pretende ir na alta temporada. Nós fomos em Julho e a fila estava enorme.

👉 Dica: compre antecipado os Ingressos para Basilica San Marcos

Basilica di San Marco em Veneza
Basilica di San Marco
Os artes douradas da Basilica di San Marco
Os artes douradas da Basilica di San Marco

Campanário de São Marcos

É um dos símbolos mais famosos de Veneza. Com seus impressionantes 98,6 metros de altura, ele se destaca na Praça de São Marcos e oferece uma vista panorâmica da cidade. A construção original do campanário começou no século IX, mas a versão que vemos hoje foi reconstruída em 1912 após um colapso devastador.

Visitantes de todo o mundo vêm para subir o campanário e apreciar a vista das cúpulas douradas da Basílica de São Marcos, os telhados vermelhos da cidade e as sinuosas vias aquáticas.

A subida é por elevador, portanto, pessoas de qualquer idade podem fazer esse passeio. Eles não aceitam malas, bolsas e mochilas maiores que 40 cm x 30 cm x 20 cm, fiquem atentos a essa informação.

👉 Dica: compre antecipado os Ingressos para o Campanario de São Marcos

Campanário de São Marcos
Campanário de São Marcos
Vista panorâmica dentro do campanário de São Marcos
Vista panorâmica dentro do campanário de São Marcos

Ponte di Rialto

A Ponte di Rialto é um ícone de Veneza, cruzando o Grande Canal e atraindo turistas. Construída entre 1588-1591 pelo arquiteto Antonio da Ponte, substituiu pontes de madeira anteriores e resiste até hoje como símbolo veneziano. Além de marco arquitetônico, a ponte é um polo comercial vibrante. Oferece desde souvenirs a joias e artesanato. É um local para sentir o espírito veneziano, entre gôndolas e a vida cotidiana italiana.

Suba na ponte para ver a incrível vista do Grande Canal, as fotos ali de cima ficam lindas!

Ponte di Rialto em Veneza
Ponte di Rialto

Ponte dos suspiros

A Ponte dos Suspiros, símbolo de Veneza do século XVII, conecta o Palácio Ducal à prisão. Seu nome vem dos suspiros dos prisioneiros que viam a cidade pela última vez. Hoje é famosa entre casais que buscam amor eterno ao beijar-se sob ela em gôndolas.

Ponte dos suspiros em Veneza
Ponte dos suspiros

Palácio Ducal

O Palácio Ducal, ou Doge’s Palace em inglês, é uma obra-prima da arquitetura gótica e um dos principais pontos turísticos da cidade. Este impressionante edifício já foi o coração político de Veneza, onde morava o Doge, o líder eleito da cidade. Hoje, é um museu que atrai visitantes de todo o mundo, ansiosos para explorar seus luxuosos salões e rica história.

Ao passear pelos corredores do palácio, os visitantes podem admirar as incríveis obras de arte, incluindo pinturas de mestres como Tintoretto e Veronese. As salas majestosas, repletas de detalhes dourados e tetos altíssimos, contam histórias do passado glorioso de Veneza.

Esse é outro lugar que tinha uma fila enorme quando fomos, recomendamos que compre com antecedência.

👉 Dica: Ingressos para visita ao Palacio Ducal

Palácio Ducal em Veneza
Palácio Ducal

A escolha do melhor período depende do que você espera da sua viagem. Aqui estão algumas dicas:

Primavera (Março a Maio)

Menos turistas do que no verão, Clima ameno perfeito para passear e a cidade começa a ganhar vida após o inverno.

Verão (Junho a Agosto)

Muito quente e cheio de gente, eventos como o Festival de Cinema de Veneza. Ideal para quem gosta de agitação.

Outono (Setembro a Novembro)

Menos lotado e mais barato, o clima ainda é bom no início do outono. Risco de “acqua alta” (marés altas) em novembro.

Inverno (Dezembro a Fevereiro)

Frio, mas com menos turistas, preços mais baixos em hotéis e voos. É o período de Carnaval de Veneza, se você não se importa com o frio.

Em resumo, a primavera e o outono são ótimos para evitar multidões e desfrutar de um clima agradável. O verão é para quem gosta de eventos e não se incomoda com o calor, nós fomos em Julho e estava bem cheio e quente, por outro lado, nossas fotos ficaram incríveis, porque o tempo estava maravilhoso e sem uma nuvem no céu. O inverno é ideal para economizar e vivenciar festivais tradicionais.

De Carro

Veneza não é acessível diretamente de carro, pois é uma cidade livre de veículos motorizados. Os viajantes devem estacionar no Piazzale Roma ou na Ilha de Tronchetto e continuar a jornada a pé ou de vaporetto (barco público).

Paramos o carro no Tronchetto Parking bem na entrada da cidade, a hora custa 4 euros e a diária 26 euros. O estacionamento é coberto e com 3973 vagas.

Ao lado do estacionamento saem os barcos que param perto da Piazza San Marco. Pagamos 10 euros por trecho no barco, ou seja, 20 euros por pessoa ida e volta.

Para quem vai alugar carro, deixamos o Link do site que usamos aqui na Itália, é possível pagar o valor em reais, sem cobrança de IOF, e ainda parcelar.

🚗 Link Rent Cars

Leia também Dicas para dirigir na Itália e Alugar um Carro na Itália: Saiba Tudo Sobre

Estacionamento Tronchetto
Estacionamento Tronchetto

De Trem

Chegar de trem é uma opção cômoda, no site abaixo é possível ver o preço de várias operadoras que fazem essa região.

Um exemplo, de Milão para Veneza, custa aproximadamente 55 euros e leva 2h27, mas atenção, os preços alteram conforme horário e período do ano, compre com antecedência.

🚊The train Line

De Ônibus

Ônibus operam serviços regulares até Piazzale Roma ou Tronchetto.

Vimos ônibus da Flixbus perto do estacionamento, nós já viajamos por essa empresa e achamos um ótimo custo-benefício, sai bem mais barato que o trem e os ônibus são confortáveis,

Um exemplo, de Milão para Veneza custa de 22 a 27 euros e leva 4:45h, também tem ônibus saindo de Roma, Verona e várias outras cidades. Deixemos o site deles aqui:

🚌FlixBus

Ônibus FlixBus
Ônibus FlixBus

Hotéis no Centro Histórico

Ficar no coração de Veneza significa que você estará perto de atrações famosas como a Piazza San Marco e a Ponte di Rialto. Os hotéis nessa região podem ser mais caros, mas você vai economizar tempo em transporte.

Cannaregio

Este bairro é um pouco mais tranquilo e pode oferecer preços mais acessíveis. É uma ótima área para sentir o ambiente local e continua perto do centro.

Castello

Aqui você encontra uma mistura de turistas e moradores locais. É uma boa escolha se você quiser uma experiência mais autêntica de Veneza.

Dorsoduro

Conhecido por suas galerias de arte e vida noturna, Dorsoduro é ideal para quem busca cultura e diversão.

Lido di Venezia

Se você quer combinar sua visita com um pouco de praia, Lido é o lugar. É fácil chegar ao centro de Veneza de barco.

Mestre

Ficar em Mestre pode ser muito mais barato e você só precisa pegar um trem ou ônibus para chegar a Veneza, fica do outro lado da ponte, por onde entra na cidade.

Ficar em cidades vizinhas

É a forma mais econômica, desde que você esteja de carro. Estamos com carro alugado e conhecendo várias cidades, portanto, pegamos um apartamento perto das cidades que queremos conhecer e estamos fazendo bate e volta para todas elas. Estamos gastando pouco e conhecendo muitos lugares na mesma viagem. O lado bom é que não precisamos ficar indo de um lugar para outro com muitas malas e como as estradas aqui são boas, não fica cansativo.

Se você optar se hospedar em Veneza, precisará levar as malas no Barco e andar com elas na multidão até o Hotel, portanto, fique atento com a localização da sua hospedagem e evite os perrengues.

A taxa para entrar na cidade de Veneza, é uma medida para ajudar a controlar o número de turistas e gerar receita para manutenção. Essa taxa é cobrada dos visitantes que não pernoitam na cidade, ou seja, aqueles que vêm apenas passar o dia. A cobrança não acontece todos os dias, tem um calendário no site e placas quando você chega na cidade com o QR code, exemplo na foto abaixo.

No momento o preço é de 5 euros, o pagamento da taxa pode ser feito online através desse site pagamento online taxa de Veneza, não deixe de salvar o comprovante.

    Essa taxa é parte de um esforço maior para lidar com o impacto do turismo em massa, que pode sobrecarregar as infraestruturas locais e afetar a qualidade de vida dos moradores. Além disso, a receita obtida com essa taxa deve ser utilizada para financiar a conservação dos monumentos históricos e melhorar os serviços públicos da cidade.

    Informação sobre Taxa de Entrada
    Informação sobre Taxa de Entrada
    • Compre os ingressos dos passeios e barcos antecipadamente, principalmente se planeja ir na alta temporada, porque tudo tem fila.
    • Use sapatos confortáveis, você andará muito!
    • Fique atento às marés altas, especialmente entre novembro e dezembro.
    • Caso tenha mais de 1 dia disponível para Veneza, adicione Ilha de Murano (tradição na arte em vidro) e Burano (conhecida pelas rendas feitas à mão) no roteiro.

    Veneza é mais que uma cidade. Ela mistura história, romance e boa comida de um jeito único. Por isso, é um lugar que você precisa visitar e que marcará suas lembranças de viagem para sempre.

    Gôndolas de Veneza
    Gôndolas de Veneza

    Confira também o que fazer em Melhores Lugares para Visitar na Toscana e O Que Fazer em Milão em 1 dia

    Se quiser mais dicas como essa, nos siga no Instragram @beradatravel, onde postamos todos os passeios com mais frequência.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *